Brasileiros não abrem mão das indulgências

Cada vez mais ligados na questão da saudabilidade, os brasileiros que primam por uma alimentação natural não conseguem abrir mão das indulgências, consumidas com mais frequência aos fins de semana. De acordo com levantamento da Kantar Worldpanel, no primeiro semestre de 2017, de segunda a sexta-feira, a importância em volume de itens saudáveis é de 70,2% contra 66,4% das guloseimas. Nos sábados e domingos, a conta se inverte: 33,6% correspondem às indulgências, enquanto 29,8% pelas compras saudáveis.

Segundo a pesquisa, que leva em conta 420 domicílios na grande São Paulo, representando um universo de 7 milhões de lares, os brasileiros preocupados com a saúde consomem em casa sucos e vitaminas, arroz integral, adoçante, salada de folhas e legumes cozidos. Quando estão longe de suas residências, as bebidas ganham destaque, como chá e água de coco.

Os indivíduos saudáveis quando fogem da rotina fora do lar normalmente o fazem em um lanche da tarde ou em uma ocasião após o jantar. Geralmente, estão acompanhados e dividem a guloseima com o parceiro/cônjuge em 43% das vezes. Destacam-se nesse momento o consumo de chiclete, refrigerante, bolos, doces e pizza. Em casa, o comportamento muda, prevalecendo os momentos de convívio ou uma ocasião familiar como pretexto para a indulgência, que ocorre em qualquer momento do dia e em qualquer dia da semana. As delícias preferidas na ocasião são os biscoitos, salgadinhos, doces, chocolates e sobremesas prontas refrigeradas.

Por: Patrícia Beber, Kantar Worldpanel

By | 2017-10-26T16:27:31+00:00 26 outubro, 2017|Categories: Consumo, Mercado, Pesquisas, Varejo|Tags: , , , , , |0 Comments

About the Author:

Mestre em Economia, especialização em gestão financeira e controladoria, além de MBA em Marketing. Experiência focada em gestão de inteligência competitiva, trade marketing e risco de crédito. Focado no desenvolvimento de estudos de cenários para a tomada de decisão em nível estratégico. Vivência internacional e fluência em inglês e espanhol. Autor do livro: Por Que Me Endivido? – Dicas para entender o endividamento e sair dele.

Leave A Comment

Avada WordPress Theme